Patagônia argentina

Patagônia argentina.
Viajantes ávidos por novas experiências, cultos, bem informados, de várias partes do mundo, não deixaram, em momento algum, que o barco se transformasse numa Torre de Babel, dividida em guetos. Ao contrário, foi uma harmoniosa e divertida confusão de sotaques.
As mesas para as refeições tinham formações multirraciais no início, até amizades e afinidades irem se consolidando, o que provocava novos desenhos no restaurante.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Deixe uma resposta