Sexta à noite no cidade de Israel

Cidade de Israel: sexta-feira, fim de tarde. Um anoitecer nada comum, sem o trânsito e a buzina habitual desse horário nas principais cidades cosmopolitas. Em Israel, as noites de sexta são caracterizadas pela ausência de carros nas ruas e pelas lojas e restaurantes fechados. Na mais importante cidade e capital do país, Jerusalém, uma multidão se concentra, nesse período, em um dos lugares mais famosos do mundo: o Muro das Lamentações. O local é sagrado para o judaísmo por se tratar do vestígio mais próximo do Templo Sagrado, destruído em 70 d.C. A apenas alguns metros de lá estão também outros dois importantíssimos símbolos religiosos: o Santo Sepulcro, local da ressurreição de Cristo para os católicos, e o Domo da Rocha, onde, segundo os muçulmanos, Maomé fez uma viagem para o céu. São justamente as construções históricas e sagradas que fazem de Jerusalém um destino especial.

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Deixe uma resposta