Archivo para la Categoría » Espanha turismo «

Espanhol em Madri

Na promoção válida até dezembro, quanto maior for a duração do curso, maior será o número de semanas oferecido de graça. Quem cursar 2 semanas, por exemplo, ganha 1. Já quem optar pelo programa de 4 semanas, faz 2 gratuitamente. Inclui o curso de 2 semanas e acomodação em casa de família, alojamento ou hotel.
Madri oferece uma das noites mais animadas da Europa, que só termina quando o sol nasce na histórica Plaza Mayor.

Castellana Madrid

Anote a dica que ainda não entrou nos guias de turismo: uma reforma na linha de metrô de Madrid permite agora uma conexão direta entre a estação Nuevos Ministérios, que fica no Paseo da Castellana, próxima do centro, e o Aeroporto de Barajas. O trajeto leva 12 minutos e custa um bilhete comum. A principal vantagem: pode-se fazerocheck-inde 80% dos vôos na própria estação. Antes, quem ia de metrô fazia ao menos uma baldeação e carregando as malas.

Costa Brava inspiração

A Costa Brava, ainda pouco explorada pelos brasileiros, é o destino de praia favorito de muitos europeus. Com uma faixa de 214 quilômetros, ela começa ao norte de Barcelona e chega até a fronteira com a França. Foi refúgio de Salvador Dali e Garcia Lorca. As praias são menores, cercadas de grandes rochas. Elas dividem o tempo do turista com os passeios nos vilarejos medievais. S’Agaró, Tossa de Mar, Begur, Cadaqués e Portlligat são os mais conhecidos.

Sul da Andaluzia

Campos de girassol e de oliveiras e um pôr-do-sol imbatível, se você viajar no horário certo. Assim é o caminho, no sul da Andaluzia, que conduz a Granada, a cidade onde os árabes deixaram as mais ricas heranças para o país. Granada é uma experiência única, merecedora de vários dias. Mas, se você tiver pouco tempo, pode sentir o clima local em dois restaurantes. Um é o Sevilla, próximo da catedral. Ele abriu em 1930 e era freqüentado pelo escritor Federico Garcia Lorca e seus amigos.

Madri Espanha Museu do Prado

Madri Espanha: motivado pela publicação de um catálogo dedicado à coleção de pintura holandesa do século 17 que consta de seu espetacular acervo, a qual é pouco conhecida pelo público, o Museu do Prado organizou a mostra Holandeses no Prado. Até 11 de abril de 2010, será possível ver um conjunto de obras que retratam temas recorrentes da escola holandesa daquela época: cenas marítimas, invernais e históricas, paisagens e retratos, entre outros, pintados por nomes como Swanevelt, Both e Philips Wouwerman, além do mestre Rembrandt, autor de Judite no Banquete de Holofernes (quadro antes conhecido como Arlemisa), que foi adquirido pelo rei Carlos III e é considerada uma das obras-primas do museu.

Pontos turisticos de barcelona

A EURO POR MENOS.
Sair em Barcelona não chega a ser caro. Mas quem já ultrapassou o limite do cartão de crédito tem uma saída: o bar do albergue Kabul (Placa Reial, 17,34-93/3i8-5i9P, kabul.es). É lá que fica a cerveja mais barata da cidade, a 1 euro. 0 lugar também é ótimo para conhecer mochileiros e… se hospedar a noite nos quartos coletivos sai desde 20 euros.
CHILLIN’ Moderno e supercool, o Club 13 (Placa Reial, 13,34-93/317-2352, club13bcn.com), acima, é uma mistura de restaurante e discoteca. A coisa toda acaba, no máximo, às 2h30 da manhã. Às sextas e sábados, o Cafe Royle (Carrer Nou de Zurbano, 34-93/412-1433) fica aberto até um pouquinho mais tarde. Ao lugar onde funcionava um prostíbulo, o clube atrai quem já passou dos 30 mas ainda está cheio de amor pra dar.

O que visitar em barcelona

De bar em bar em Barcelona.
Um roteiro pelos inferninhos mais calientes do bairro gótico.
Barcelona não é a cidade que nunca dorme. A siesta depois do almoço continua firme e forte por aqui. Durante a noite, porém, as ruas da cidade são mais agitadas que qualquer Nova York. Ainda mais quando faz calor. Para comemorar a chegada do verão, escolhemos alguns dos melhores lugares para ver e ser visto nas  madrugadas do bairro gótico, que fica ao lado das Ramblas.
OS MUSICALES:
Bons lugares para dançar são os bares musica-tes, que não cobram entrada. É o caso do Fonfone (Calle Escudellers, 34-93/317-1424), acima, de decoração futurística, do Sidecar (Placa Reial, 7,34-93/302-1586), que já sediou show de Manu Chão, e o Venus (Car-rer d’Avinyó, 25,34-93/301-1585), ideal para um happy hour agitado.
ELETRÔNICA:
Nas ruazinhas obscuras do centro gótico ficam muitos dos bares, quase sempre pequenos, enfumaçados e lotados. Um exemplo é a minúscula 0 La Macarena (Carrer Nou de Sant Francesc, 5,34-93/302-4593, macare naclub.com), boate do tamanho de uma sala de estar, que recebe DJs famosos no mundinho da música eletrônica.
ALLTHATJAZZ:
Sim, Barcelona tem jazz. Nas badaladíssimasjam sessions do0Jambo-ree (Placa Reial, 17,34-93/319-1789, masimas. com), às segundas-feiras. Nos anos 60, gente como Ella Fitzgerald se apresentou por lá. Hoje os nomes são menos glamourosos, mas ,a programação continua sensacional.

Viagem alhambra granada

FUGA PARA AS MONTANHAS.
As montanhas da Sierra Nevada podem ser visitadas numa excursão rápida, partindo de Granada. Considere a possibilidade de alugar um carro para chegar ao alto do Pico de veleta, de onde se avista a África (a estrada só fica aberta no verão) ou faça uma trilha na base das montanhas.

Fotos de Granada Espanha

DESCANSO MOURO.
O Hotel Palácio de Santa Inés, do século 16, perto do Alhambra, foi erguido como um palácio dos mudéjar (muçulmanos que ficaram na Espanha depois da reconquista pelos cristãos). Seus quartos pequenos não condizem com a grandeza do prédio, mas são limpos e bem decorados (Cuesta de Santa Inés 9; a partir de € 80).

Dicas de viagens Granada Espanha

NADA DE TAPAS.
Acredito que as melhores pizzas, massas e sobremesas de Granada são as do ll Gondoliere. As pizzas são enormes e há mais de 60 tipos diferentes. Experimente a mozzarella en carona de entrada e o surtido especial de Ia casa (prato com sobremesas diversas). Há também várias opções vegetarianas (Calle Martínez Campos 24; pizzas a partir de € 8).