Tag-Archivo para » patagônia «

Viagem cruzeiro na patagônia

Se o Cabo Horn levou a momentos de meditação, os glaciares encheram o navio de exclamações. A fesla foi completa, em todos os sentidos, quando o barco entrou na Avenida das Geleiras, no Canal de Beagle. A cada dez minutos, um novo glaciar se apresentava, com tamanhos e cores diferentes, proporcionando um oportuno desfile gastronômico no navio. Com exceção do Romanche, o primeiro, os demais foram batizados com nomes de países, merecendo um acompanhamento típico. Quando passou o Alemanha, salsicha e cerveja para todos; no França, champanhe e queijos; no Itália (o maior de todos, com 1200 metros de altura), vinho e pizza, e no Holanda, batata e cerveja. Felizmente parou por aí, embora o visual tenha sido o mais espetacular de todo o cruzeiro.

Patagônia argentina

Patagônia argentina.
Viajantes ávidos por novas experiências, cultos, bem informados, de várias partes do mundo, não deixaram, em momento algum, que o barco se transformasse numa Torre de Babel, dividida em guetos. Ao contrário, foi uma harmoniosa e divertida confusão de sotaques.
As mesas para as refeições tinham formações multirraciais no início, até amizades e afinidades irem se consolidando, o que provocava novos desenhos no restaurante.

Patagônia

Com uma temperatura de 3 graus, aceitável para o final de outubro, sol, céu azul sem nuvens, os 92 excitados passageiros tomaram os botes Zodiac e foram conduzidos para a ilha, paraíso dos pingüins magalhânicos. Era o último contato com uma paisagem, uma fauna, uma flora, um modo de vida que vai demorar a sair da memória.
As geladas Patagônia e Terra do Fogo, com suas centenas de canais e ilhas, que formam o ponto mais austral do globo e desafiaram, durante séculos, a perícia dos maiores navegadores, era o sonho da maioria dos passageiros. Para muitos, a viagem de uma vida.

Viagem patagônia

São viajantes informados, todos ávidos por novas experiências.
O último dia, na Ilha Magdalena (acima), foi perfeito. Ao lado, a Baía Ainsworth, com suas águas e plantas exclusivas e a preguiçosa colônia de elefantes-marinhos. Abaixo, passageiro admira as belas paisagens patagônicas.