Tag-Archivo para » porto alegre hoteis «

Port pontos turisticos

O charme dessa nova cidade está justamente em conjugar propostas tão modernas com seu casario secular e colorido, suas vielas e seus becos calçados, suas lindas pontes e fachadas cobertas de azulejos. Uma ida até lá não pode deixar de incluir clássicos como uma visita ao Palácio da Bolsa (Rua Ferreira Borges, 351/223-399-000, pa laciodabolsa.pt; € 5), onde está o belo Salão Árabe, ou às imponentes igrejas e catedrais, como a Sé (Terreiro da Sé, 222-059-028), com registros que remontam ao século 12. Subir e descer os Aliados, dar uma espiada nos painéis da Estação de São Bento (Praça Almeida Garrett, 351/222-002-722), passear pela Rua de Santa Catarina e pela Ribeira e e ir conferir o acervo da livraria Lello e Irmão (Rua das Carmelitas, 144,222-018-170; Cc: todos), instalada num espetacular edifício art nouveau de 1906, são igualmente obrigatórios. Assim como uma visita às caves de vinho do Porto do outro lado do rio, em Vila Nova de Gaia.
Nos últimos anos, a lista passou a incluir também a Fundação de Serralves (Rua de Serrralves, 977,351/808 200-543, serralves.pt; € 5), o maior acervo de arte contemporânea de Portugal, um projeto do arquiteto Siza Vieira que é apontado como o embrião do Porto moderno, e a Casa da Música (Avenida da Boavista, 604-610, casada musica.com; visita guiada: € 2), uma obra impressionante do arquiteto holandês Rem Koolhaas que abriu suas portas em abril de 2005. Para começar, do lado de fora o edifício lembra a forma de um diamante lapidado, com paredes e cortes irregulares. Do lado de dentro, é uma impressionante mistura de elementos que vão de tetos vazados e tubos aparentes a paredes forradas com lâminas de ouro. A sala de concertos principal é apontada como uma das melhores do mundo e inclui detalhes como cadeiras forradas com um tecido especial que imita a absorção do som pelo corpo humano, para que a orquestra possa ter o mesmo retorno durante os ensaios que tem com a casa lotada. Há luzes de leitura individuais para a platéia. Com uma média de 180 mil visitantes por ano, a Casa da Música já é uma das principais atrações turísticas do Porto. E quando uma cidade com quase nove séculos de história ganha um cartão-postal tão ousado e futurista, algo indica que as mudanças não são efêmeras. Elas vieram mesmo para ficar.